terça-feira, 12 de junho de 2012

As construtoras e o tratamento dispensado ao consumidor baiano


Salvador - Bahia
É triste constatar o descaso que as construtoras, nesse caso a OAS, tem para com o consumidor imobiliário, que é de fato, quem sustenta o milionário mercado da construção civil na Bahia e no Brasil. 

Postamos abaixo o e-mail de uma consumidora refletindo a situação de muitos compradores de imóveis na planta e que estão com atraso na entrega da obra.

São casos como esse, e inúmeros outros, que nos encorajam a seguirmos firmes na luta intransigente pelos direitos dos consumidores baianos.

Segue transcrição, para a análise do leitor, onde omitimos o nome da adquirente e o empreendimento, a fim de preservar a mesma.

"Prezados,

Meu nome é A. A. Eu e meu noivo compramos um imóvel XXXXX da OAS com prazo de entrega para novembro de 2011.

Já tentamos de tudo com a OAS, enviamos carta, e-mail, fomos nos escritório*, ligamos para a central de atendimento, mas ninguem tem uma posição da data de entrega. O pior, ela atrasou, continua atrasada, e nada nos foi informado. Não recebemos nenhum comunicado sobre o atraso e quando perguntamos sobre a previsão a resposta é: Não temos previsão!!
Arcamos com todas nossas obrigações! Pagamos cada parcela impreterivelmente na data! A sensação que temos é de total descaso, a OAS nos trata como se não tivéssemos depositados nenhum sonho e investimentos.(Investimentos esses tão sacrificados).
Não sabemos mais o que fazer!! Já desmarcamos várias vezes a data do nosso casamento! Pagamos aluguel! A dívida só aumenta e estamos preocupado* em não ter condições de arcar, pois os saldo* devedor é corrigido mensalmente!!
A OAS nos trata com tanta indiferença, como se não fóssemos clientes, proprietário, GENTE!!
Por favor nos ajudem! Precisamos nos unir para defender nossos direitos!! 

Nenhum comentário:

Postar um comentário