segunda-feira, 2 de janeiro de 2012

Donos de imóveis na Nova Cintra cobram descumprimento de prazo

Entrega das chaves foi anunciada seis vezes 
Créditos: Bruno Miani
O atraso na entrega das chaves dos apartamentos de um prédio no Morro da Nova Cintra vem tirando o sono dos proprietários. Neste sábado, cerca de 20 proprietários de apartamentos se reuniram na frente das obras para trocar informações sobre o andamento do trabalho e discutir o que pode ser feito daqui para frente.


O Residencial Engenhos de Nova Cintra, da construtora Tenda, que possui cinco torres, com 420 apartamentos ao todo, anunciou seis vezes a entrega das chaves nos últimos 21 meses, mas não cumpriu os prazos, segundos os proprietários dos apartamentos.


“A primeira data programada era março de 2010, depois agosto de 2011, setembro, outubro, novembro e dezembro. A última promessa é para fevereiro de 2012”, explica a empresária Ana Célia Constantino.

A falta de comunicação entre a construtora e os futuros moradores é a principal reclamação. Eles alegam que a empresa não está sendo clara e objetiva na hora de justificar os atrasos.

“Temos informações que são três estagiários vistoriando os apartamentos, não tem nenhum engenheiro responsável para avaliar e nos informar sobre os procedimentos”, diz Ana Célia.

“Entre 20 e 30 apartamentos foram vistoriados e em apenas quatro deles, os moradores saíram com a certeza que estava tudo certo”, complementa.

Há relatos de que ainda há muito a ser feito nos acabamentos internos das últimas torres. Sendo assim, não será possível estimar uma data da entrega baseada no aspecto externo da obra, que se apresenta bastante adiantado.

Outro problema alegado por Ana Célia é o acúmulo de dívidas nos últimos meses. “Tenho que pagar advogado, aluguel de outro apartamento, prestação do imóvel e não sei mais o que fazer. Vou viver na casa da sogra? Não quero”.

Carolina Martin Teixeira relata que já comprou móveis planejados e eles estão parados na fábrica. “Está tudo pago e eu não tenho onde colocar e a empresa precisa entregar logo”.

A mobilização em busca de informações ganhou espaço em vários sites. O principal deles é o blog engenhonovacintra.blo gspot.com, coordenado por Thiago Goulart, um dos futuros moradores. Na página, Goulart disponibiliza fotos e informações, mensalmente, sobre o andamento das obras.

No último post, em 20 de novembro, o responsável pelo blog postou que a empresa de energia elétrica já havia concluído o serviço e isso permitiria que o Corpo de Bombeiros efetuasse a vistoria dos elevadores, um dos pré-requisitos para a certidão do habite-se, que ainda se encontra pendente.

A certidão do habite-se é um documento que atesta que o imóvel foi construído seguindo-se as exigências estabelecidas pela prefeitura para a aprovação de projetos.

A comunidade Engenho Nova Cintra - Tenda no Orkut é outro canal de discussão sobre as obras. Após a vistoria nos apartamentos, os usuários relatam o que encontram nos locais. Dentre as reclamações mais comuns estão infiltrações e detalhes estéticos.

Um caso, no entanto, chamou a atenção dos proprietários. O parapeito da varanda de um dos apartamentos estava solta.
A Tribuna tentou contato com a construtora para justificar os motivos dos atrasos e a confirmação do novo prazo para entrega das chaves, mas não obteve sucesso.
 
 
Sábado, 17 de dezembro de 2011 - 17h35
http://www.atribuna.com.br/noticias.asp?idnoticia=127884&iddepartamento=5&idcategoria=0

Nenhum comentário:

Postar um comentário